domingo, 21 de outubro de 2012

CONCURSO DE DESIGN DE BANCOS URBANOS – CASA FOA 2012



Pelo terceiro ano consecutivo, a Casa FOA , traz profissionais de diferentes disciplinas para participar de seu concurso de design, que na edição 2012 apresenta os bancos urbanos.
Os projetos foram apresentados para o concurso de Bancos Urbanos e estes são os vencedores.

Os projetos consideraram variáveis importantes ​​como acessibilidade, resistência ao vandalismo, segurança do usuário.
Além disso, e como pré-requisito, os objetos criados deveriam ser utilizáveis durante a exposição para que o público pudesse  interagir com eles.
Uma vez aberta a chamada foram recebidas mais de 150 inscrições, dos quais 13 foram selecionados para a exibição  durante  a Casa FOA Molina City.
As propostas são variadas e estão presentes em toda a originalidade e design inovador.

Bancos e seus autores são:
Banco Fi  de  Brenda Borgia e Cláudia Varela

Traz a maleabilidade e a força do material em curvas que parecem intermináveis e perfeitamente integráveis a espaços urbanos quer sejam contemporâneos os clássicos. Uma obra de arte!


Banco Nido  de  Moroni cristã e Maria Belen Ciovini

Jogo de luz e sombra nas peças de medeira encaixadas.



Green Bank  de  Agostinho Albarracín


Tecnologia industrial aplicada ao material orgânico. Bambus tensionados por articulações em aço.


Banco Urbano  de  Marlene e Jorge Luis Herbel Peretti

Materiais e formar diferentes incorporadas a um único objeto em harmonia. A peça ainda conta com o belo recurso estético do led colocado sob as peças em madeira.


Banco Tubular  de  Pedro Fernandez e Vanessa Erramouspe Boroda

Um perfil tubular é replicado. Original e com identidade morfológica


Banco PPBL  de  Maria Mercedes Beatriz Palace

As placas em pedra geram várias alturas de acentos e se integram. Identidade com pedras de rio.



O Banco de Desejos  de  Paula Arch Gerlach Gerlach e Sofia

O máximo esta proposta!
O banco dos desejos tem furinhos para que o usuário deposite tampinhas de plástico e faça um desejo (como se fosse uma fonte dos desejos), As tampinhas  revertem em renda para o Hospital Garrahan.



Diamond Bank  de  De Rosa, Zugasti, Meccia e Duarte

Diamantes em metal que podem seu usados juntos ou separados.


Banco SKRGOT  de  Florence Pasqualini

Inspirado na casa de um caracol em concreto polido.


Banco LUME  de   Gallego, Fernandez Madero, Miche Forziano, Rota e Saenz

Esta proposta traz a beleza da fina linha de luz que passa por toda a peça em madeira rígida. O resultado gera movimento.



Banco LO1  de  Arquiteto Paulo Daniel Urcola


A peça parece tensionada em material flexível. Resistente e leve visualmente. Interessante jogo de sensações.



Banco RECICLAR  de  Brown, Recofky, Roncati, Serres e Vizio
Um objeto de madeira reciclada


é a estrutura para a concepção deste banco que considera a sustentabilidade na concepção. Por sua vez, promove a recolha do recipiente de tampas de garrafas de plástico e de reciclagem.


Dominó Banco  de  Jaen, Rodriguez, Polombarani, Cereseto, Otero e Valls

Um dominó clássico inspirou o design deste banco urbana, representado com peças de madeira em paralelo. Eles são unidos por dois tubos de cromo paralelas que cruzam. A última seção, mostrando a queda de dominó.